Sandy entrega reação do filho, Theo, em shows: “Ciúme de me ver no palco” | Tempo FM 87,9 – Piquet Carneiro

Sandy entrega reação do filho, Theo, em shows: “Ciúme de me ver no palco”

Sandy entrega reação do filho, Theo, em shows: “Ciúme de me ver no palco”

images

Sandy participou do “Encontro com Fátima Bernardes”, nesta quarta-feira (7), e falou sobre os sentimentos do filho, Theo, de 4 anos. Durante a entrevista, a cantora contou que o menino confunde ciúmes e vergonha. “O Theo é muito engraçado porque ele confunde vergonha com ciúme. Quando ele tava com ciúme de me ver no palco, em show, ele falava: ‘Mãe, eu estou com muita vergonha’. Era ciúme. Bonitinho”, entregou. Sandy revelou também que o herdeiro gostaria de ganhar um irmão. “No começo eu perguntava se ele queria um irmãozinho, ele dizia que não porque ele é bem ciumentinho com a gente. Mas agora ele diz que sim, que é legal ter um irmão para brincar”, disse a mulher de Lucas Lima, com quem celebrou 10 anos de casada. “A gente dá o priminho para ele brincar”, completou a artista, encantada por Otto, filho de Junior Lima com Monica Benini.

Cantora aprova que o filho brinque com boneca

Sandy comentou ainda a repercussão da foto em que aparece uma boneca de Theo. “Você postou uma foto que é incrível do sapatinho do Theo com uma boneca de ‘Frozen’. Muito legal”, elogiou Fátima. Segundo a compositora, ela ficou surpresa com a repercussão: “As pessoas se surpreenderam muito. A gente não imaginou que isso ia acontecer. Na nossa casa é muito normal”. O músico, por sua vez, destacou que não vê problema com o brinquedo do primogênito. “Essa heroína é muito poderosa. Ele adora. Da mesma maneira ele brinca com “Kung Fu Panda”, com “Thanos”, ele não tem noção que isso pode ser um problema. Porque não é”, garantiu.

Sandy não deseja que filho entre na carreira musical enquanto criança

Recentemente, Sandy lançou a websérie “Nós, Voz, Eles” em um estúdio dentro de sua casa em Campinas, no interior de São Paulo. Mesmo permitindo a participação de Theo no projeto, a cantora não deseja que o pequeno siga a carreira artística. “Eu comecei muito cedo. A gente – eu e meu irmão Junior – deu certo, mas não é a história que acontece com todo mundo. O mais comum é não dar certo e causar muitas frustrações na infância. Não queria que ele corresse o risco de de viver esse tipo de frustração. Vou tentar segurar como puder, mas se isso for a vontade e a vocação dele, não vou impedir. É muito possível que ele não escape da música. Mas aí a gente vai ver daqui vários anos!”, explicou.

Fonte: https://www.msn.com

Os comentários estão fechados.